A formação de professores nas políticas públicas de inclusão de tecnologias da informação e comunicação nas escolas: um estudo sobre o projeto escolas em rede

Cleder Tadeu Antão da Silva, José Ângelo Garíglio

Resumo


O presente artigo analisa as práticas de formação continuada de professores para o uso das tecnologias da informação e comunicação, no interior da atual política pública de inclusão digital, implantada pela Secretaria de Estado da Educação em Minas Gerais (SEE-MG) – o Projeto Escolas em Rede (ER). O trabalho é resultado deu ma pesquisa realizada entre 2007 e 2009 que estudou as metodologias de ensino utilizadas nos processos de formação dos professores da rede estadual de educação, assim como os ambientes de aprendizagem e os materiais didáticos privilegiados nas ações do programa. Analisou-se, também, o processo de formação dos professores a partir da documentação do projeto, de forma a compreender a visão dos docentes, formadores e coordenadores envolvidos na proposta de capacitação, bem como as possíveis repercussões dessa formação para a prática pedagógica dos educadores. A análise evidencia que a política de inclusão digital da SEE-MG vem sofrendo (d)os mesmos problemas de outras políticas públicas da área, visto necessitar de melhor infra-estrutura tecnológica e de pessoal para dar suporte às práticas de uso das TIC nas escolas. Além disso, há ainda um caráter de verticalização na implantação do projeto, considerando que, em nenhum momento, a política dialoga com a realidade dos professores e de suas escolas de origem. Além do mais, existe um claro distanciamento entre o programa da SEE-MG e as reais demandas das instituições de ensino e educadores da rede estadual comprometendo assim o seu processo de implantação.

 


Palavras-chave


Tecnologias da Informação e Comunicação. Políticas Públicas. Formação de Professores.

Texto completo:

PDF


ISSN Impresso: 1414 - 5057

ISSN Eletrônico: 2317 - 7756