Aplicação da maiêutica em atividades formativas de introdução à engenharia

Renée A. S. Ferreira, Fábio Wellington Orlando da Silva

Resumo


Este trabalho discute a inserção de uma prática filosófica baseada nos diálogos socráticos (Maiêutica) em disciplinas introdutórias dos cursos de engenharia. Procura-se verificar a hipótese de que a metodologia socrática possa contribuir para estimular a criação cultural, o desenvolvimento do espírito científico e o pensamento reflexivo e crítico dos alunos. A pesquisa foi realizada, no segundo semestre letivo de 2003, com estudantes de primeiro período de Engenharia Industrial Elétrica e Engenharia Industrial Mecânica do Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais. O trabalho ocupou, durante três semanas, as aulas da disciplina Introdução à Engenharia. Inicialmente, os alunos foram submetidos a um teste diagnóstico de interpretação e produção de textos. A seguir, foram expostos ao método socrático e levados a construir debates em sala de aula. A última atividade envolveu um segundo teste, para avaliar um possível avanço reflexivo dos alunos. As interpretações e os textos produzidos no fim do experimento, em comparação com os iniciais, indicaram uma evolução da capacidade reflexiva e revelaram-se mais coerentes e coesos, atendendo aos critérios de continuidade, progressão, articulação e não-contradição da lingüística textual. O estudo demonstra, portanto, que a Maiêutica contribui para alcançar os objetivos propostos e sugere que seja utilizada como parte das estratégias dos professores em cursos de engenharia.


Palavras-chave


FILOSOFIA; MAIÊUTICA; ENSINO DE ENGENHARIA

Texto completo:

PDF


ISSN Impresso: 1414 - 5057

ISSN Eletrônico: 2317 - 7756